^ Back to Top

 

Foi realizado na tarde do dia (29/4), às margens do Rio Capivari na propriedade de Sebastião Rogério, o plantio de mudas da mata atlântica do projeto do Consorcio Intermunicipal Lagos São João em parceria com a organização WWF e a Prefeitura de Silva Jardim. O projeto visa a recuperação das matas ciliares fortalecendo as encostas dos rios e fortalecimento da terra. Duas áreas do município estão sendo utilizadas para plantio de 54 mil mudas de diversas espécies da flora.

O projeto teve ainda durante todo o mês de abril palestras em várias escolas do município que foram ministradas pela gestora ambiental do Consorcio Lagos São João e WWF, Ana Maria Jardim, que explicou a importância da mata atlântica para a população fluminense. “A intenção deste projeto envolver os estudantes e fazer com que eles se sintam parte desse programa”, disse Jardim.

Participaram do plantio alunos do CEPM Profª Vera Lúcia Pereira Coelho, o Vice-Prefeito Tião Rocha e o Secretário Municipal de Meio Ambiente, Helan Abreu Cardozo.

 

(Fotos: Diego Campos)

 

Leia mais:Silva Jardim tem plantio de mudas às margens do Rio Capivari

 

O governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, entregou no dia (17/02), o Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB) de Silva Jardim, durante uma sessão solene que foi realizada no Palácio Guanabara – sede do Governo do Rio.

O secretário municipal de Meio Ambiente, Helan de Abreu Cardozo, participou do evento e explicou que o PMSB é um estudo subsidiado pelo governo estadual, que apresenta as ações que os municípios devem implementar para a melhoria do saneamento básico da cidade.

De acordo com Helan Cardozo, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) já havia tido acesso a versão extra-oficial do plano, há alguns meses atrás, o que contribuiu para que a repartição pública pudesse desenvolver alguns projetos.

Dentre algumas das ações que nós já demos seguimento, estão à aquisição de fossas sépticas e filtros anaeróbios, a instalação de lixeiras seletivas e o desassoreamento do rio Capivari”, descreveu o secretário, que classificou o PMSB como uma ferramenta de gestão.

Segundo o secretário, a Semma também está desenvolvendo um estudo para a melhoria do sistema de abastecimento de água nas localidades de Aldeia Velha, Bananeiras e Imbaú. O objetivo, ainda segundo ele, é aumentar a capacidade dos reservatórios e fazer a cloração da água, conforme os padrões de potabilidade estabelecidos pelo Ministério da Saúde.

Além de Silva Jardim, outros 33 municípios do estado também foram representados durante o evento, que registrou ainda a presença do secretário estadual de Meio Ambiente, André Corrêa.

 

(Foto: Divulgação / Secretaria Municipal de Meio Ambiente; Reportagem: Lucas Madureira)

Leia mais:Governador do Rio entrega plano de saneamento básico de Silva Jardim

Aconteceu na manhã do dia (14/02) na Praça Amaral Peixoto no Centro de Silva Jardim a abertura da Campanha da Fraternidade 2016, que este ano tem como tema principal o cuidado com o mundo e a preocupação com questões ambientais. O evento contou com a participação de mais de 600 pessoas e teve a presença de Dom José Francisco Rezende Dias, Arcebispo Metropolitano de Niterói.

Na oportunidade, a Prefeitura através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, informou o início da campanha de reciclagem do óleo de cozinha, uma medida fácil de ser executada por todos e que pode ser realizada de forma contínua e benéfica para o meio ambiente.

 

O evento teve a presença do prefeito Anderson Alexandre, do presidente da Câmara de Vereadores, Roni Luiz, do vereador Miel da Biovert, além de vários secretários e subsecretários municipais.

Leia mais:Silva Jardim sedia abertura da campanha da fraternidade 2016

A empresa Delft, uma das responsáveis pela obra de duplicação da rodovia BR-101, será multada em mais de R$ 200 mil por crimes ambientais em Silva Jardim. De acordo com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), que emitiu as penalidades, a empresa já recebeu duas autuações, no fim do mês passado, e vai receber outras duas.

Segundo o secretário da Semma, Helan Abreu Cardozo, dentre os motivos das autuações estão os transtornos causados aos moradores do bairro Lucilândia, que fizeram um abaixo-assinado reclamando sobre alagamentos em algumas ruas do bairro e entupimento das redes de esgoto e de drenagem, provocado pelo material utilizado na obra.

Ainda conforme o secretário do Meio Ambiente, uma segunda multa foi emitida à empresa porque ela teria feito o derramamento de material asfáltico em local impróprio, podendo causar degradação do solo e, consequentemente, do lençol freático.

O secretário revela que a equipe de fiscalização da Semma também identificou o descarte incorreto de resíduos sólidos e líquidos, provocando a contaminação do solo, em uma área onde funcionam as instalações da empresa no município, e então fez a terceira autuação. Já a quarta multa foi por reincidência, afirma Helan.

Na semana passada, nossos fiscais retornaram às instalações da Delft e constataram a presença de óleo no corpo hídrico, localizado no interior da propriedade. Essa quarta multa ainda não foi quantificada, mas a gente estima que os valores das autuações, somados, ultrapassem R$ 200 mil”, contou Helan Abreu Cardozo.

O secretário da Semma disse que o dinheiro arrecadado com as penalidades será destinado ao Fundo Municipal de Meio Ambiente e, posteriormente, aplicado em ações de preservação ambiental.

 

(Foto: Ascom / Silva Jardim)

Leia mais:Delft será multada em mais de r$ 200 mil por crimes ambientais

 

Foi concluído no último dia 18/12 o trabalho de paisagismo nas imediações do Terminal Rodoviário Arão Lopes da Cunha, no Centro de Silva Jardim. De acordo com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), responsável pelo desenvolvimento da iniciativa, o trabalho teve duração de cerca de três meses e contou com diversas parcerias.

Segundo a Semma, o município recebeu doações de mudas de palmeiras de porte médio e plantas pequenas, cedidas por fazendeiros. Comerciantes da cidade também doaram oito refletores para a iluminação do jardim durante a noite.

A prefeitura, através da Semma e da Secretaria Municipal de Obras, ficou responsável pela elaboração e execução do projeto.

 

(Fotos: Divulgação / Semma)

Leia mais:Prefeitura conclui obras de paisagismo no Centro de Silva Jardim

Prefeitura Municipal de Silva Jardim - CNPJ: 28.741.098/0001-57 - Tels:(22) 2668-1125/2668-1430/2668-2000 - Rua Luiz Gomes, 46, Centro - Silva Jardim/RJ - CEP: 28820-000